Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2021

Zextec e UCSGRAPHENE desenvolvem projeto de casa sustentável com grafeno

Imagem
 O UCSGraphene, centro de pesquisa com planta de produção, caracterização e aplicação de grafeno na Universidade de Caxias do Sul (UCS), está prestes a construir uma casa sustentável com este material a base de carbono e considerado o mais leve e resistente do mundo. A residência será feita com o material nobre - considerado do futuro - e com lixo 100% reciclado, que criam um plástico de alta resistência.  — O grafeno com o lixo cria um superplástico, ultra resistente. Nós fizemos um aditivo com grafeno, que é misturado com o resíduo, e resulta nisso. O grafeno adiciona propriedades mecânicas, anti UV, bactericidas. Ou seja, podemos dar uso a um monte de resíduos que iriam parar no aterro. Essa investigação nós começamos faz um tempo já — explica o diretor da Zextec, Hugo Sousa, empresa parceira dos projetos do UCSGraphene.  Confira a reportagem na íntegra no site Gaúcha ZH através do link abaixo https://gauchazh.clicrbs.com.br/pioneiro/colunistas/babiana-mugnol/noticia/2021/04/centro-

Chão de fábrica: como aumentar a produtividade de pessoas e máquinas?

Imagem
O chamado chão de fábrica é o coração da indústria. Procurar maneiras de aumentar a produtividade  no coração da indústria, o chão de fábrica, é fundamental para quem busca a eficiência do negócio. Nesse sentido, a chegada da Indústria 4.0 tem propiciado inúmeras maneiras de fazer com que as pessoas e as máquinas possam trabalhar melhor e com menos falhas. Entretanto, as inovações não ficam restritas apenas à tecnologia. Novos modelos de gestão também têm ganhado espaço na tentativa de otimizar o chão de fábrica. Isso porque, muitas vezes, para se aumentar a produtividade, não é necessário comprar mais máquinas ou contratar mais pessoas. Realizar uma gestão voltada para a redução do desperdício, seja ele financeiro ou de tempo, pode garantir a sobrevivência do seu negócio. Mas antes de mudar, é preciso conhecer o estado atual do seu chão de fábrica. Quanto tempo é gasto com a ociosidade das máquinas e dos colaboradores? Quais os gargalos que existem nos processos? De tudo que é produzi

Ambiente de trabalho mais colaborativo e indústria 4.0: para onde estamos indo?

Imagem
 As novas tecnologias estão mudando o mercado de trabalho e gerando um valor enorme para a economia e para a sociedade – além de abrir enormes oportunidades para empreendedores e gestores de criarem produtos e serviços capazes de trazer ganhos enormes. Inovação gera valor enorme para a economia em um processo de destruição criativa. As práticas e tecnologias que estão mudando o mundo do trabalho, todas elas têm a ver com colaboração em real time. Ou seja, ao mesmo tempo que acontece a ação, as pessoas estão interagindo no mesmo documento, na mesma ferramenta de desenvolvimento de projeto, de análise de texto, desenho, mecatrônica, biológicas. Isso está revolucionando o mundo do trabalho, porque você pode fazer remotamente de onde você estiver, de onde você é puder acessar a internet e com as pessoas que você mobilizar em qualquer parte do mundo. E isso é uma novidade, que agora, principalmente com a pandemia, que está fazendo empresas ganharem produtividade e qualificar o trabalho. A i

Grafeno pode fornecer memória super-rápida para computadores

Imagem
Mais uma propriedade surpreendente do grafeno foi descoberta e a mesma possibilita aplicações que podem impactar o futuro da computação. Trata-se de uma nova física e novas propriedades eletrônicas, envolvendo múltiplas camadas das estruturas compostas por átomos de carbono que formam o grafeno, de modo que novos meios de processamento de informações possam ser explorados. A nova física é uma ferroeletricidade nada convencional. Os materiais ferroelétricos são usados ​​em vários sistemas eletrônicos, desde ultrassons clínicos a cartões de identificação por radiofrequência, mas há uma característica que impõe certos limites: todos eles são isolantes. No entanto, o novo material ferroelétrico da equipe liderada pelo MIT criado com grafeno funciona através de uma física completamente diferente, que o torna condutor de eletricidade. Esse diferencial permitirá uma grande quantidade de novas aplicações para componentes ferroelétricos. Além disso, trata-se de um “sistema simples e ultrafino”.

Novo Ventilador Pulmonar Thor é destaque na mídia

Imagem
Nem todas as notícias são ruins sobre a pandemia da Covid-19. Um grupo de pesquisadores de Caxias/RS, na Serra Gaúcha, desenvolveu um ventilador pulmonar portátil, que com cerca de 5 quilos pode ser facilmente transportado, acompanhando o paciente no hospital ou mesmo em ambulâncias. O respirador, apelidado de Thor, é uma evolução do Frank 5010, um modelo desenvolvido através da união de esforços de empresários e pesquisadores da Região. O Thor teve seu desenvolvimento financiado pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) e se consolidou como mais uma vitória da ciência. Frank 5010 Em março de 2020, ainda no início da pandemia, o grupo de pesquisadores tomou a decisão de desenvolver um respirador portátil seguro, que fosse mais barato e de desenvolvimento mais rápido. No contexto, a demanda era maior do que a oferta disponível e mesmo peças para a fabricação de novos respiradores, muitas vezes importadas, estavam em falta. O grupo resolveu trabalhar com o que tinha à disposição, u